Uncategorized

Asher Iatsár (bênção)

A bênção Asher Iatsár

 

Pergunta:

É apropriado aos Noaítas (Bnei Nôach/Filhos de Noé) recitarem a berachá (bênção) de Asher Iatsár?

Resposta por Rav Yacov Gerenstadt:

Sim, é apropriado que os Bnei Noach recitem a berachá (bênção) Asher Iatsár.

 

O que é e como é a bênção Asher Iatsár?

(Texto extraído da revista INFORMATIVO BC NEWS, S. Paulo, fevereiro 2016, nº48 (384), página 23.)

CORPO: O INVÓLUCRO DA ALMA

Vivemos e respiramos com naturalidade. Muitas vezes nos esquecemos, em nosso dia a dia, de parar para agradecer a importância dos detalhes. Então vem a Torá nos lembrar de que há mitsvot (mandamentos) e agradecimentos que devemos pronunciar, desde nosso despertar pela manhã, até a hora de deitar. Diversas vezes ao dia vamos ao banheiro, mas muitos desconhecem uma bênção que deve ser pronunciada após utilizá-lo. Sério? Sim, existe uma bênção de gratidão, Asher Iatsár, para todas as vezes em que fazemos nossas necessidades básicas, fisiologicamente vitais. Pois todo nosso corpo é sagrado. Ele é o invólucro de nossa alma, tudo que ocorre com ele e em torno dele é sagrado, é obra Divina.

 

Bendito és TU, Hashém, nosso Deus, Rei do universo, que formou o homem com sabedoria, e nele criou muitos orifícios e cavidades. É revelado e conhecido diante do Trono da TUA glória que se apenas um deles fosse bloqueado, ou um deles fosse aberto, seria impossível existir mesmo por um curto momento. Bendito és TU, Hashém, que cura todo ser vivo e faz maravilhas.

 

Ao acordarmos abrimos nossos olhos e tomamos consciência de um dos maiores milagres do universo: o nosso corpo físico. Ele possui órgãos e vasos com perfeito acabamento, minuciosamente projetados para funcionarem juntos, em total harmonia. A sensação de estarmos saudáveis, descansados e revigorados para enfrentar mais um dia para viver uma vida física com saúde nos faz evocar a gratidão que sentimos pelo Criador. O “simples” processo de respiração, digestão, e demais funções naturais de nosso corpo são milagres articulados pela sabedoria Divina: raramente pensamos neles, a não ser quando apresentam falhas, provocam dor ou deixam de funcionar. Seríamos ingratos se tomássemos esses milagres como obra do acaso, sem agradecer a D’us por Seus cuidados, sem compartilhar nossa gratidão “Àquele que cura toda a carne”. Essa bênção, que é recitada ao lavar as mãos após sair do toalete, é uma atitude judaica com o corpo humano, conservado limpo e sagrado. Na constituição física não podemos colocar órgãos altos e baixos, essenciais e secundários, todos se conectam e são essenciais à nossa saúde e vitais à sobrevivência. Nossos sábios ficavam maravilhados com o corpo humano e expressavam isso com palavras semelhantes a estas, contidas nesta bênção. Segundo o sábio Rabi Tanhuma: “Um balão inflado, se tiver um furo do tamanho da ponta de uma agulha, perderá todo seu ar; mas o corpo humano é repleto de aberturas e, no entanto, nunca perde o sopro da vida”. Portanto, essa simples berachá (bênção) de Asher Iatsár expressa nosso reconhecimento e gratidão a D’us por Suas obras maravilhosas, entre elas, um corpo saudável e em pleno funcionamento.

 

Veja outras bênçãos e orações para o dia a dia dos noaítas no nosso Guia de Bênçãos e Orações Diárias Noaicas

 

https://noahidebr.com/2017/09/09/guia-de-bencaos-e-oracoes-diarias-para-os-bnei-noach/

 

 

© Noahidebr 2015-2017
https://noahidebr.com/copyright/

 

Anúncios
Padrão