Uncategorized

Por que não-judeus precisam de 7 mitsvot enquanto judeus precisam de 613?

Por que não-judeus precisam de 7 mitsvot enquanto judeus precisam de 613?

 

Por Rav Tzvi Freeman

 

Pergunta:

Parece-me que quanto mais refinada e espiritual uma pessoa for, menos ela precisará de mandamentos, já que ela mesma entenderá o que é certo e errado. Tal como uma criança precisa de muito mais regras do que um adulto.

Seguindo esta lógica, por que não-judeus precisam de apenas sete mitsvot (mandamentos) enquanto judeus precisam de 613?

 

Resposta:

Boa pergunta. O rav Yehuda Loewe, o Maharal de Praga, fez a mesma pergunta uns 400 anos atrás. Ele explicou que a verdadeira expressão da Divindade é a liberdade. A alma humana é Divina, portanto, é livre para ser o que quiser, para subir às alturas mais elevadas, ou, D’us não o permita, o oposto.

Portanto, enquanto que os animais conhecem as suas regras por natureza e geralmente as mantêm sem serem mandados, o ser humano deve ser ordenado. A estrutura básica de suas leis são sete, porque elas são destinadas a limitá-lo no espaço: seis direções mais o espaço dentro do qual ele está.

A alma judaica, que deve ser uma luz para as nações, expressa a liberdade de Divindade ainda mais e por isso deve ser limitada no tempo. Estas são as 365 proibições que correspondem aos 365 dias do ano (o ano é a medida básica do tempo).

© Chabad

 

Traduzido do inglês por Noahidebr/Bnei Noach do Brasil

 

© Noahidebr 2015-2018

https://noahidebr.com/copyright/

Anúncios
Padrão